Tim Hortons, o queridinho do Canada. 🇨🇦 parte 7

FB Tim Hortons.jpg
Tim Hortons é mais que uma rede de cafeteria, é um conceito cultural. Ao andar pela cidade, as pessoas carregam o copo de café do Tim Hortons nas māos, logo pela manhã o professor vai começar a aula com copo do Tim em sua mesa, as pessoas que estāo nos ônibus seguram seus copos, o caixa do banco tem o copo na sua bancada, até motoristas de moto tem um lugar para colocar esse copo, - mas porque os canadenses amam essa cafeteria??? Antes de tudo, estamos falando de um conceito cultural de lealdade da māo de obra local, entre dois produtos a escolher o canadense dará preferencia ao que é produzido aqui, é fácil encontrarmos em alimentos ou em coisas uma etiqueta sinalizando “100% Canadian” ou “Proudly Canadian”, mesmo que seja mais caro, nāo importa, é sempre uma preferência optar pela produção local.

O Canada tem algumas paixões, uma delas é o Hockey, as pessoas vibram com seus times nos campeonatos, (assim como os brasileiros amam o futebol) os pais colocam seus filhos desde pequenininhos para treinarem e levarem a sério esse esporte e os pais se tornam seus maiores incentivadores. E a história do Tim Hortons passa pelo Hockey, em 1960 um jogador de hockey professional chamado Tim Horton, da equipe do Toronto Maple Leafs, ele era mega talentoso, muitos títulos, muito querido pelos canadenses, entāo Tim resolveu investir seu dinheiro e a força do seu nome num negócio, nascia então a primeira cafeteria TIM HORTONS na cidade de Hamilton (a 40 km de Toronto), na província de Ontario, rapidamente se tornou popular, aos poucos, mais lojas foram sendo abertas e o negócio se transformou em um verdadeiro sucesso. Entretanto, no dia 21 de fevereiro de 1974 , Tim sofreu um grave acidente de carro voltando de um jogo em Toronto e veio a falecer, o Canada chorou sua morte. A viúva Lori Horton vendeu as ações da empresa por US$ 1 milhão, mas depois ela se arrependeu porque a rede valia muito mais, entāo ela entrou na justiça para ter de volta, mas a justiça negou este recurso. No ano seguinte, a empresa desenvolveu novos produtos, novo cardápio como dunuts, croissants, sopas, cafes quentes e gelados, cappuccinos, drive-thru, a empresa passou a valer US$ 20 milhões. Em 1995 a empresa se fundiu com a Wendy’s, restaurante dos Estados Unidos. Em 2002, a rede passou a ser a maior do setor de alimentos no Canadá. Em 2014 a americana Burger King, dos brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira da 3G Capital comprou a TIM HORTONS por US$ 11.4 bilhões. E atualmente tem vendas anuais de US$ 23 bilhões e 18 mil restaurantes em 100 países.

Culturalmente, os estabelecimentos sāo pontos de encontro de amigos, local para empresas entrevistarem seus candidatos, onde a galera da melhor idade se reune para conversar, os estudantes vão na hora do intervalo da escola, tem wi-fi gratuito, um ambiente agradável com uma lareira para aquecer no inverno, tem também uma programacão 24h passando na TV Tim Hortons onde tem seu próprio canal. Quando se quer ser gentil com alguém e dizer “muito obrigada”, basta dar um gift card do Tim Hortons que isso é um sinal de gentileza. É comum receber no seu email gratuitamente “vales de café da manhã” basta para apresentar para a caixa e você recebe. Não é o melhor café da cidade, não é a melhor confeitaria, mas a decisão da preferencia é pelo preço que é barato, mas principalmente pela historia que ele carrega. Sim, aqui é muito fácil encontrar as cafeterias famosas como Starbucks®, tem uma loja a 800m da minha casa, mas numa proporçāo muito maior tem as lojas do Tim Hortons em cada esquina espalhadas pelo pais. Pode se encontrar um arsenal de produtos dessa marca nas lojas e nos supermercados, como garrafas térmicas, canecas, chaveiros, camisas, além se promover ações sociais que as pessoas saem para limpar a cidade, fazem campanhas sociais que arrecadam milhōes para causas canadenses, eu adoraria ter uma franquia dessa pois esse negócio é bom, é o queridinho do Canada.

As campanhas sociais ocorrem com frequência, sempre com o apoio da comunidadehttps://youtu.be/EJXu5UWfsHc
 — in Kitchener, Ontario.